O pedido de desculpas da Apple.

Imagem

Acordamos hoje com um anúncio pra lá de raro: A Apple havia pedido desculpas. A gigante de Cupertino publicou em seu website ( http://www.apple.com/letter-from-tim-cook-on-maps/ ) uma carta assinada pelo atual CEO Tim Cook. Nela,o presidente afirma que a empresa está extremamente triste por ter causado tantos transtornos com o novo aplicativo de mapas,lançado semana passada com a atualização iOS 6 para iPhones,iPods touch e iPads. E não é pra tanto: na última semana,diversos sites publicaram algumas bizarrices encontradas pelo app ( Veja alguns exemplos em http://theamazingios6maps.tumblr.com/ ).

Com o fim do contrato entre Google e Apple,que começou em 2007 para promover a primeira geração do iPhone,a Apple precisou pensar. Durante os dois últimos anos,comprou diversas empresas de mapas e firmou acordos com a TomTom,uma das mais prestigiadas marcas de GPS do mundo. Bastou para a empresa fundada por Steve Jobs (R.I.P.)? Não. O que levou a Apple a banir os mapas do Google em seus Gadgets foi a iniciativa da gigante de buscas de não levar todos recursos novos criados por sua equipe aos aparelhos da Apple. Em suma: se o usuário quisesse os Mapas do Google sempre atualizados com novos recursos,deveria comprar um Smartphone Android. E é aí que o Google cutucou onça com vara curta.

Android e iOS disputam a liderança no mercado de Sistemas operacionais de smartphones,onde o próprio Jobs contou em sua biografia oficial que não descansaria em paz antes de destruir o Android. Agora,as duas gigantes se enfrentam. O Google promete levar o app do Google Maps via App Store em breve. Vale lembrar que a Apple limou também o YouTube como padrão do iOS,no lançamento da 6a versão do SO da Apple.

Quem ganha essa batalha? Não sei,mas com certeza nós,os consumidores,não venceremos. A batalha travada pelas empresas prejudica todos,voluntaria ou involuntariamente. Tim Cook afirmou na mesma carta de desculpas divulgada hoje que sua equipe está trabalhando duro para aperfeiçoar cada vez mais os Mapas da companhia. Ao fim da carta,o CEO aconselha os consumidores a usarem Atalhos( Sites acessados por meio de criação de  ícones na tela inicial – Veja como fazer aqui: http://blogdoiphone.com/2011/02/voce-sabia-que-pode-adicionar-um-icone-de-pagina-web-na-tela-do-seu-iphone-ipad-ou-ipod-touch/ ) do próprio Google Maps (maps.google.com) ou do Nokia Maps (maps.nokia.com) enquanto a empresa ajusta o aplicativo. Além disso,a empresa preparou um especial com diversas alternativas de serviços de mapas criados por outras empresas na App Store.

Esperamos que a empresa conserte esses erros o quanto antes,afinal,a Apple é reconhecida por sua perfeição aos detalhes.

Imagem: Copyright © 2012 Apple Inc. All rights reserved.

Autoria: Pedro Nunes

Anúncios

Google completa 14 anos.

Imagem do Doodle especial na home do Google em comemoração ao aniversário da empresa.Imagem

A empresa Google comemorou hoje,27 de Setembro,14 anos. A empresa foi fundada pelos colegas de faculdade Sergey Brin e Larry Page em 1998. O sucesso da empresa é,sem dúvida alguma,seu buscador. Mais de 98% dos internautas usam o motor de buscas do Google,de acordo com pesquisa revelada em Julho. Seus concorrentes diretos são o Yahoo e o Bing,da Microsoft. Além do buscador,o Google coleciona diversos hits no mercado. O Gmail tornou bem mais fácil para usuários leigos o acesso e trocas de mensagens por meio do correio eletrônico. Em Outubro de 2006,a gigante anunciou a compra do site de vídeos YouTube,se tornando assim o maior site de vídeos do mundo.

Em 2008,a empresa deu mais um salto em popularidade ao anunciar o sistema operacional Android,destinado a Smartphones e mais tarde,Tablets. Por ser um sistema livre,centenas de aparelhos são lançados todo ano,de empresas como Samsung,LG e Motorola. Falando em Motorola,o Google comprou a parte Mobile da empresa em 2012. A empresa enfrenta dificuldades em obter a mesma popularidade de telefones Android com Tablets com o mesmo sistema. Em 2010,lança a marca Nexus,destinada a aprelhos celulares e tablets feitos em parceria direta com fabricantes de celulares e que contam com o Android ”puro”,ou seja,sem qualquer customização de empresas ou operadoras. O primeiro aparelho,Nexus One,foi lançado em parceria com a Taiwanesa HTC. Se tornou um fracasso e foi descontinuado em menos de um ano. No mesmo ano,a Samsung apresentou o Nexus S,com tela curvada, design diferenciado e rápida performance. Em 2011,a mesma Samsung foi a encarregada de montar o Galaxy Nexus,com uma tela generosa de 4,6”,memória interna de até 32GB e processador 2x mais rápido que o do Nexus S. É o modelo atual da Linha Nexus.

Mais recentemente,com o intuito de alavancar a participação do Android em Tablets,faz uma parceria com a Asus e lança o Nexus 7. O tablet tem tela de sete polegadas,processador quad-core,NFC,além de ser o primeiro dispositivo a recebero Jelly Bean,a versão mais recente do Sistema Operacional. Outro ponto forte do dispositivo é o seu preço: $199 dólares,para a versão com 8GB de memória e $249,para a versão com 16GB. É vendido nos Estados Unidos,Canadá,Coréia do Sul e Japão. Não há qualquer previsão de chegada ao Brasil.

Parabéns,Google! 😉