Google lança nova linha Nexus.

  

Imagem

 Apesar de ter cancelado o evento especial,o Google não escondeu mais as novidades da empresa. Nesta segunda-feira,ela apresentou uma nova linha de produtos da marca Nexus,criada e designada com empresas parceiras do Google. Além da linha Nexus,o Google anunciou o Android 4.2,com alguns refinamentos como um teclado a- lá- Swype e um controle que permite que vários usuários usem o tablet. Pois bem,vamos aos novatos!

  • Nexus 7 (ASUS): Parece não haver nada de novo aqui,mas a ASUS apresentou uma nova linha de preços para o tablet de 7 polegadas. A partir de agora,o modelo de 16GB custará $199 e uma nova capacidade,de 32GB,será vendida por $249. O modelo de 8GB foi descontinuado. Além dessa renovação de preços e uma nova capacidade,foi adicionado uma versão Wi-Fi+3G,que funciona em mas de 200 países e custará $299 na versão única com 32GB de capacidade.

 

Imagem

 

  • Nexus 10 (Samsung): Talvez a maior novidade,o Nexus 10 é fabricado pela Samsung e bate o recorde de resolução da tela,se comparado ao iPad com tela Retina. São 2560×1600 pixels e 300 pixels por polegada. Para meios de comparação,o iPad com tela Retina tem 2048×1536 pixels e 264 pixels por polegada. Além dessa alta reolução de sua tela,o Nexus 10 traz um processador dual-core de 1.7Ghz e 2GB de memória RAM. Também traz o novo Android 4.2(que continua sendo chamado de Jelly Bean.) Chega dia 13 de novembro por $399(16GB) OU $499(32GB).

Imagem

 

 

 

  • Nexus 4 (LG): Smartphone fabricado pela LG,o Nexus 4 traz uma tela de 4,7 polegadas,a última versão do Android,a 4.2,um processador quad-core de 1,5Ghz,além de ser construído em vidro na parte frontal e na traseira e possuir uma câmera de 8 megapixels com flash LED. O grande diferencial dele é o suporte ao carregador sem fios,bem parecido com o que a HP usava no finado Pré. Chega em 13 de Novembro na loja oficial do Google,a Play Store,dos Estados Unidos,Canada,França,Alemanha,Espanha e Austrália. Custará $299 (8GB) ou $349(16GB) para os modelos desbloqueados. A operadora americana T-Mobile oferecerá a opção de 16GB por $199 mediante um contrato de dois anos.

Imagem

Anúncios

Google cancela evento do Android.

  Imagem

 

O Google acabou de anunciar que cancelou o evento especial que seria realizado nesta segunda-feira. A informação foi divulgada pelo Mobilesyrup. O motivo é a aproximação do furacão Sandy aos Estados Unidos. A empresa emitiu um comunicado sobre o evento:

“Nós estamos cancelando o nosso evento da manhã  de segunda-feira em Nova York devido ao furacão Sandy. Vamos deixá-lo conhecer nossos planos assim que sabermos mais. “

  Era esperado para que no evento fossem revelados os novos tablets da empresa,sendo uma versão 3G e com 32GB do Nexus 7 e um novo tablet de 10 polegadas fabricado pela Samsung.

Microsoft lança Windows 8.

   Imagem

 

A Microsoft lançou na noite desta quinta-feira o seu mais novo sistema operacional: o Windows 8. Talvez sendo o maior salto desde o Windows 95,a oitava versão do sistema mais usado pelos usuários tenta se reinventar e enfrentar de frente as concorrentes Google e Apple. A novidade do sistema é sua integração total com a tela sensível ao toque,através da interface Metro (Que a Microsoft não chama mais assim.),presente nos smartphones com o Windows Phone. Os blocos dinâmicos estão lá,e se atualizam automaticamente. Há duas versões do Windows disponíveis: O Windows RT,sistema que é mais focado para tablets por consumir pouca energia e possibilitar uma maior duração de bateria. Outro porém é que o sistema não rodará nenhum aplicativo comum,como o Photoshop ou o iTunes. Já o Windows 8 é o sistema completo e feito para rodar na grande maioria dos computadores disponíveis hoje. 

  Analistas estão receosos quanto ao possível fracasso do sistema,já que ele representa uma mudança drástica para quem já está acostumado a usar o Windows há tantos anos. O Windows 8 chega nesta sexta-feira através de três maneiras diferentes:

  • Atualização do Windows 7: Para quem comprar um PC  com Windows 7(Exceção do Starter) entre 2 de junho e 31 de dezembro do próximo ano,a atualização custará apenas R$29. Basta se cadastrar no site da empresa.
  • Atualização via download: Para quem usa Windows XP,Vista ou 7,a atualização será via download e custará R$69. Compre aqui: http://windows.microsoft.com/pt-BR/windows/buy
  • Atualização via Mídia física: As grandes redes de varejo vão vender a versão física do sistema por R$269. Algumas lojas online já oferecem pré-vendas.

  Junto do Windows RT e 8,a Microsoft também apresentou oficialmente o seu tablet próprio ”Surface”,que chega nesta sexta-feira por $499. O tablet arrancou elogios por blogs americanos como o Engadget (Leia o Review completo aqui: http://www.engadget.com/2012/10/23/microsoft-surface-rt-review/ ) e o Gizmodo (Aqui: http://gizmodo.com/5953866/microsoft-surface-rt-review-this-is-technological-heartbreak ),mas tem sido bastante criticado por seu sistema Windows RT,com grandes desvantagens. Vale lembrar que a Microsoft pretende lançar até março do ano que vem a versão do Surface com Windows 8 ”Verdadeiro”. Obviamente,o preço será outro. 

  Só o tempo dirá se a Microsoft vai fracassar.

Apple anuncia iPad mini.

Imagem

E a Apple finalmente revelou o que muitos já esperavam: o iPad mini. Ele tem tela de 7,9 polegadas,que de acordo com a empresa,consegue adaptar automaticamente qualquer app escrito para iPads de 10 polegadas. Tem chip A5,câmera FaceTime HD,iSight de 5 mpxls com sistema de cinco lentes,512MB de ram,Siri e roda iOS 6.

O grande trunfo do iPad mini será seu design refinado,feito de alumínio e vidro. Estará disponível a partir de 2 de novembro nos EUA e em mais 33 países. As pré-vendas se iniciam nesta sexta-feira,26. Terá opções de cores em Branco e alumínio e Preto e ardósia (Slate),mesmo tom de cor da traseira de iPhones 5. Os preços são:

Wi-Fi:

  • 16GB – 329,
  • 32GB – 429,
  • 64GB – 529,

Wi-Fi + Cellular: Adiciona-se mais $130 ao valor do modelo Wi-Fi.

Além do iPad mini,a Apple lançou a 4a geração do iPad de 9,7 polegadas. Ganhou chip A6X,duas vezes mais rápido que o A5X,Câmera frontal FaceTime HD e novo conector Lightning. Chega pelos mesmos preços das outras versões:  A partir de $499.Também será vendido através de pré-venda nesta sexta,com entregas para dia 2 de novembro. O iPad 2 continua sendo vendido por $399/$529(Wi-Fi e Wi-Fi+Cellular).

Às vésperas de evento,vazam prováveis preços do iPad mini.

  Imagem

 

Faltando pouco menos de  dois dias para o evento da Apple,que pretende apresentar uma versão menor de seu famoso tablet iPad,vazaram os possíveis preços que serão praticados nos Estados Unidos. De acordo com o site 9to5Mac,o iPad mini de 16GB e Wi-Fi custará $329 dólares. Nas demais capacidades,soma-se $100 dólares. 

  Já o modelo Wi-Fi+3G/4G,os preços começariam em $459 dólares para o modelo de 16GB de armazenamento. Novamente,soma-se $100 dólares para as demais capacidades. Interessante notar nesses preços,uma vez que o foco da Apple seria nos tablets com Android que são vendidos por $199 nos Estados Unidos. Porém,o foco da empresa parece ser popularizar um formato menor de tablet,que possibilite uma leitura de livros mais confortável pelo usuário. A tela do iPad menor teria 7,85 polegadas,para muitos o tamanho ideal para estudantes e novatos na categoria de pranchetas eletrônicas.

  Se esses forem mesmo os preços oficiais,a Apple com certeza esvaziará seus estoques com a aproximação das festas de fim de ano. O baixo preço(Pelo menos nos EUA) atrairá muitos indecisos que estão à procura de um dispositivo com acesso à internet,feito com qualidade e com preço bem competitivo. É claro que os tablets com Android,principalmente o Nexus 7, venderão bastante no Natal. O porém é que há nichos da população que estão receosos em investir seu dinheiro em um tablet que dificilmente receberá  atualizações futuras,problema que se agrava quando se fala do mundo do robôzinho verde do Google.

   O sistema Jelly Bean,liberado em Junho,mal chegou aos topos de linha das empresas,o que acaba pesando na decisão do consumidor. O iOS surpreendeu,pois a Apple atualizou o iPhone 3GS,um telefone de quase quatro anos,na versão mais atual do sistema operacional móvel da maçã. É claro que tudo não são flores: O sistema de navegação por mapas Flyover e a assistente virtual Siri só estão disponíveis para dispositivos Apple lançados recentemente. Apesar disso,é bom ver que a empresa se esmerou em oferecer,verdadeiramente,uma experiência de navegação fluída e eficaz para cada tipo de dispositivo.

 De uma forma ou de outra,a Apple,mais uma vez,se vê ”forçada” a embarcar em mais uma modinha dos gadgets,coisa que já fez quando se rendeu e aumentou a tela do iPhone pela primeira vez em seis anos.

Fonte: 9to5MacImagem

Newsweek,uma das mais prestigiadas revistas americanas,anuncia que deixará de ser impressa.

    A segunda maior revista em circulação do mundo,a Newsweek,deixará de ser impressa a partir de 2013. O anúncio foi feito hoje por Tina Brown,editora-chefe e fundadora da Newsweek Daily Beast Company. A última edição impressa da revista será lançada em 31 de dezembro. A revista passará a se chamar Newsweek Global,onde,segundo eles,trará ”muita opinião para as pessoas que querem aprender sobre os eventos mundiais em um contexto sofisticado.” As edições serão lançadas para tablets,leitores de livros digitais e web,por meio de assinatura paga.

A revista ainda afirma que foi prejudicada pelo ambiente do jornalismo impresso atual,da mesma forma que cada vez mais as pessoas tendem a ler em tablets. A empresa afirma que seu jornalismo conhecido no mundo todo continuará sendo o mesmo. O problema seria a desafiadora economia de impressão e distribuição. Além de encerrar as impressões da Newsweek,a empresa reduzirá seus atuais empregados.

Fica claro que cada vez mais os jornais e revistas farão essa transição para o mundo digital.O New York Times vem,aos poucos,levando sua edição diária à web,através de sites dedicados. O Brasil é o próximo da lista. A edição local do NY Times será lançada em 2013. Outros exemplos mostram que esse tipo de transição requer muito cuidado. O The Daily,do grupo do bilionário Rupert Murdoch,foi a primeira revista totalmente voltada a tablets. Foi lançada em Novembro de 2011 e trouxe diversos conteúdos interativos,como vídeos e fotos nas reportagens. Apesar desse modelo parecer promissor,a revista veio perdendo público,principalmente depois do escândalo envolvendo a News Corporation,empresa que detém os direitos de publicar a revista.

Os escândalos envolvem o vazamento de ligações de políticos famosos como Tony Blair,ex-primeiro ministro do Reino Unido. Recentemente,diversos profissionais ligados ao The Daily foram demitidos,causando uma crise na redação da revista. Muitos analistas acham que o The Daily não durara muito tempo. Seus conteúdos também são,muitas vezes,de caráter duvidoso.

No Brasil,essa reviravolta também causa respingos. O Jornal Folha de São Paulo e Zero Hora passaram a cobrar por conteúdo online. O usuário tem uma cota de notícias dentro do site a serem lidas (Na maioria,são 30). Após o prazo se encerrar,o usuário é convidado a pagar um valor para continuar a acessar integralmente o site. No caso de Zero Hora,esse custo é de R$36,90 mensais(R$4,90 nos dois primeiros meses),dando ao leitor a chance de navegar pela edição impressa do jornal na tela de seu tablet/computador.

Ninguém sabe ao certo o futuro desses jornais e revistas tradicionais,mas fica claro que a chegada da internet provocou uma reviravolta na forma de fazer,publicar e compartilhar conteúdo.

Foto: Mashable

Conteúdo original: Pedro Nunes.

Google marca evento para falar do Android.

 Imagem

 

  O Google enviou convites à imprensa hoje para que compareça a um evento especial,no dia 29 de Outubro. O convite diz: 

”The Playground is Open. ( Algo como: O Parque está aberto.)

  Não se sabe o que a empresa lançará,mas há indícios que apontam para novos modelos de smartphones da linha Nexus,que o Google cuida e planeja juntamente com uma  determinada empresa. Dessa vez,o Google teria escolhido a LG e a Sony. Sites de tecnologia também afirmam que a gigante de buscas lançará um tablet ainda mais barato que o Nexus 7,que custa $199. O preço seria de $99 dólares. A empresa deixa claro no convite que o evento será transmitido ao vivo através do YouTube em http://www.youtube.com/android

Imagem via DigitalSpy.com