Veja a evolução do iPad, que completa quatro anos hoje

Pois é, parece mentira, mas já faz quatro anos que a Apple lançou o iPad, produto totalmente diferente e revolucionário. O produto que inaugurou a categoria de tablets foi lançado no dia 27 de janeiro de 2010, mas chegou ao mercado somente em 3 de abril do mesmo ano. Conheça a evolução de um dos produtos mais bem-sucedidos da história.

iPad (1ª geração – Abril de 2010): Inaugurando a categoria de tablets, o iPad trazia uma tela de 9,7 polegadas multi-touch, 256MB de memória RAM, processador Apple A4, memórias de 16GB, 32GB ou 64GB e opção de internet 3G. Somente na cor preta. Vendas: 300.000 em apenas 1 dia.

Imagem

 

iPad 2 (Março de 2011): A segunda geração do iPad veio cheio de novidades. O modelo ganhou duas câmeras, uma frontal e outra traseira, novo design ultrafino e processador Apple A5 dual-core. Foi neste modelo que as Smart Covers foram lançadas. Sem registro de vendas oficiais da Apple.

Imagem

iPad de 3ª geração (Início de 2012): O novo iPad veio com uma tela Retina de alta resolução, um processador ainda melhor(Apple A5X, com gráficos quad-core) e câmera traseira de 5 megapixels. Além disso, ganhou suporte à redes 4G LTE. Vendas: 3 milhões no primeiro fim de semana.

Imagem

iPad de 4ª geração (Fim de 2012): O iPad de quarta geração não trouxe mudanças visuais. Apenas ganhou um processador A6X com gráficos quad-core, LTE melhor, uma câmera frontal HD e o conector Lightning.  Vendas: 3 milhões, divididos com o iPad mini.

Imagem

 

iPad mini (2012): Após rumores, a Apple enfim oficializou uma versão menor de seu tablet. O iPad mini vinha com uma tela de 7,9 polegadas, chip A5 dual-core, opção de 4G LTE e câmera de 5 megapixels. Vendas: 3 milhões no primeiro final de semana, juntamente com o iPad de 4ª geração.

Imagem

iPad Air(2013): A quinta geração do tablet veio com um design bastante parecido com o do iPad mini, com bordas reduzidas. Ganhou um processador Apple A7, com arquitetura de 64-bits. Vendas não confirmadas pela Apple.

Imagem

iPad mini com tela Retina (2013): A 2ª geração do mini ganhou uma tela de alta resolução, o processador Apple A7, com arquitetura de 64-bits e 1GB de memória RAM. Sem número de vendagens oficial. Imagem

Apesar das concorrentes lançarem tablets, o iPad continua sendo a melhor escolha, com processadores renovados e experiência aprimorada. Parabéns, iPad! 🙂

Anúncios